Planejando os passeios em Cuzco II: a missão!

Como eu ia dizendo, existem umas 2.565 agências oferecendo os dois passeios mais comuns na região de Cuzco, todos eles padronizados e com pouca variação de preço. Mas nós não queríamos fazer a coisa desse jeito simples e cômodo. Queríamos chegar nos lugares antes de todo mundo, tirar foto naquela paisagem de cartão postal, com tudo vazio, só pra gente. Como estávamos em três, acreditamos que dava para fugir dos pacotes e fretar um táxi só nosso com um guia particular. Muito finas, nós…

Então, começamos a procurar nas agências um serviço como esse, exclusivo. Recebemos uns preços meio salgados: 100,00 dólares, sendo 50,00 pro guia e 50,00 pro motorista. Disseram que guia não podia ser motorista e vice-versa, então, a gente precisava contratar 2 pessoas. Buscamos junto ao nosso hotel e foi a mesma coisa (o hotel também tinha sua própria agência, não tinha interesse em nos vender passeio particular). Chegamos num preço de 90,00 soles em uma agência, mas ficamos inseguras sobre a idoneidade do guia, que não conheceríamos com antecedência, e esse precinho… quando a esmola é muita, o santo desconfia!

Daí, concluímos que estávamos procurando o serviço no lugar errado: se a gente queria ir de táxi, tinha de tratar diretamente com os taxistas! O primeiro nos ofereceu o passeio por 100,00 soles (50,00 pra ele, 50,00 pro guia), mas não sentimos firmeza na conversa. E ficamos por ali, procurando um outro taxista que parecesse mais confiável.

Nessa indecisão toda, já era quase 10:00h da manhã, e começamos a pensar que, se continuássemos com tantas dúvidas, a gente acabaria não decidindo antes das duas da tarde, e aí só nos restaria fazer o city tour de busão mesmo.

Foi aí que apareceu Seu Carlos. Ele se apresentou como guia oficial de turismo e, quando perguntamos informações sobre o Boleto Turístico, disse que era coordenador regional (ou algo do gênero) da organização que administra esse ticket. Falou também que não havia nenhum problema de o guia servir de motorista, o que era o caso dele. E ainda por cima quis nos convencer a fazer primeiro o passeio ao Vale Sagrado, e não o City Tour, quebrando a regra de ouro segundo a qual devíamos ir do mais básico ao mais complexo, para não tirar a graça do que ainda estava por vir. Claro que, pra ele, era mais vantagem que a gente o contratasse pra um passeio de dia inteiro do que pra o de meio dia… O preço do passeio ao Vale Sagrado: 150,00 soles. 50,00 soles por pessoa seriam apenas 15,00 soles a mais do que o passeio feito de ônibus. Bem razoável.

Pressionadas pelo relógio, decidimos fazer o Vale Sagrado com esse motorista/guia e nem nos preocupamos de pedir a carteira de guia oficial dele pra conferir o registro. Concordamos que seria contraditório ir a Pisac no dia seguinte, domingo, principal dia de funcionamento do mercado, se queríamos fugir da multidão, de modo que seria melhor mesmo inverter a ordem dos passeios, deixando o City Tour para o dia seguinte. Decidimos também fazer o circuito de trás pra frente, evitando os grupos de turistas que já estavam fazendo o passeio nos ônibus naquele dia mesmo (e haviam saído às 9:00h da manhã, portanto, com 1 hora de vantagem em relação à gente).

Ainda houve um episódio chatíssimo, porque, depois de já estarmos no carro, Seu Carlos começou a nos oferecer outro passeio, organizado em dois dias, incluindo outros sítios arqueológicos que não fazem parte dos tours tradicionais. Até pareceu interessante, especialmente considerando o nosso roteiro de viagem, que previa tomar o trem para Machu Picchu em Ollanta, e ele poderia nos deixar lá para a nossa partida. Mas o fato é que não tínhamos tempo para pensar, fazer contas, e optamos pelo que tinha sido originalmente combinado. Seu Carlos achou que a gente não tinha aceitado a oferta por estar desconfiando dele – lá em Cuzco, fica mesmo difícil confiar de cara em taxistas e outros prestadores de serviços para turistas. Nessa hora, eu quase me arrependi de tê-lo escolhido como guia, mas, logo depois tudo voltou à perfeita paz.

Anúncios

29 Responses to “Planejando os passeios em Cuzco II: a missão!”


  1. 1 Rodrigo 09/01/2013 às 21:12

    Olá,

    Estou indo em fevereiro pa Cusco e gostaria do contato do Sr.Carlos. Vc teria?

    Parabéns pelo relato. Muito bom.

    Abs

    • 2 Wanessa 09/01/2013 às 21:38

      Obrigada, Rodrigo!
      O contato do Sr. Carlos está neste post: https://cadernosdeviagem.wordpress.com/2009/08/12/dossie-peru/ É bom que você leia também o que relatei sobre o serviço dele. Não sei se o e-mail e o telefone ainda são os mesmos… Se você conseguir contato, me avise!

      • 3 Rodrigo 12/01/2013 às 6:21

        Ok wanessa. Obrigado.

        Eu li seu relato e na verdade estou interessado em fazer o Valle Sagrado sul com um taxista. Já indo com um contato é melhor. No entanto com certeza pesquisarei outros no local

        Quando voltar te conto se deu td certo

        Abs

    • 4 THAIS 05/02/2013 às 22:33

      Oi Rodrigo, td bem? Tb estou indo p/ MP em fevereiro, dia 13/02/13 eu e meu namorado chegamos em Cusco. Tb curti mt a ideia de utilizar os serviços do “Seu Carlos”. Vc conseguiu contato com ele?? Se for o caso, podemos dividir o tour. Qqr coisa me mande ujm e-mail: thais.carneiro@hotmail.com

      Abraços.

      Wanessa,
      Adorei seu relato, show de bola e mt útil>
      Bjusss

      • 5 Wanessa 06/02/2013 às 6:51

        Ol, Thais, Se voc conseguir fazer contato com o guia, por favor, avise aqui, ok?

        • 6 Rodrigo 06/02/2013 às 13:05

          Thais,

          Embarco dia 12/02. Vou deixar para fazer contato para os passeios lá mesmo em Cusco, já que é baixa temporada e, para nosso desgosto, a previsão é de chuva semana que vem. POrtanto acho que não preciso correr muito com isso. Por outro lado o hotel já me ofereceu algumas outras opções.

          Estou indo apenas com a passagem do trem para aguas calientes compradas, o restante vou definir (e barganhar, claro!!) por lá..

          De qualquer forma anotei seu contato e te aviso o que eu conseguir.

          abs

          Rodrigo (rodrigolelles@yahoo.com.br)

          • 7 THAIS 07/02/2013 às 16:26

            Oi Rodrigo.
            Eu tenho acompanhado o tem em Cusco todo o mes de Janeiro, e chove todos os dias….minha capa de chuva já está comprada rs.
            Quanto aos passeios, comprei as passegens de trem e entradas para MP e WP. Ainda estou procurando por hotel em Cusco e vou tentar fazer contato com o tal guia. Vou mandar um e-mail hj, se ele responder eu aviso a vcs.
            Anotei teu e-mail, qqr novidade eu aviso.

            Bjssss

            • 8 Rodrigo 07/02/2013 às 16:37

              Oi Thais, como vc conseguii comprar as entradas para MP? O site nao ta vendendo…

              abs

            • 9 THAIS 07/02/2013 às 17:02

              Olá, eu comprei através do Pirwa Hostel. Eles foram super rapidos nas respostas e eu precisa justamente de agilidade pq viajo semana q vem e tb me pareceram bem organizados.
              No entanto fiz um mini pacote, com guia, bus de ida e volta (AC>>MP) e entrada p/ MP e WP. Pague via PayPal, tudo por 112 dolares + 6% de taxa do PayPal. Vc tb pode pagar pelo Westen Union (sem taxa).

              Segue os contatos que fiz e veja oq melhor te atende:

              reservas@limamentor.com
              Entrada MP e WP, guia e bus (ida e volta) – 110 dolares
              Contato Silvia.
              Pgto PayPal sem taxa

              info@andesviagens.com
              Entrada MP e WP, guia e bus (ida e volta) – 113 dolares
              contato Magaly (ela fala portugues)
              Pagamento com cartão de credito

              info@1dtravel.com
              Entrada MP e WP, guia e bus (ida e volta) – 112 dolares
              contato Javier
              Pagamento deposito bancário ou Western Union

              info@southadventureperutours.com
              Vende só a entrada MP e WP – 75 dolares. E tb oferece pacotes.
              Contato Conrado (proprietário)
              Pagamento deposito bancário ou Western Union

              Espero q te ajude.
              Bjs

        • 10 THAIS 07/02/2013 às 16:28

          Oi Wanessa, td bem?
          Vou mandar um e-mail p o tal guia, se ele me responder eu te aviso…Bjoo

  2. 12 André 10/01/2013 às 10:47

    Boa tarde Wanessa, antes de mais nada parabens pelo seu blog.. estou devorando suas otimas dicas!!!
    Queria ver se vc poderia me ajudar… estou indo agora final de Maio ao Peru e tenho algumas duvidas sobre Cuzco…são quantos os passeios que podem ser feitos de lá?!..para eu me programar quantos dias lá ficar…..vc acha mais conveniente dormir em Aguas Calientes para conhecer Matchu pitchu?! ..por motivo de segurança vc poderia indicar alguma agencia para fz os passeios, já que estamos indo por milhagem ( eu e minha esposa)?!..grato

    • 13 Wanessa 10/01/2013 às 20:36

      Oi, André! Seja bem-vindo!

      Um roteiro “standard” para Cuzco inclui os seguintes passeios:
      – city-tour: não é um city-tour tradicional, mas um passeio por construções incas dentro ou nos arredores da cidade. Alguns incluem também a Catedral;
      – Vale Sagrado: passeio pelos sítios arqueológicos um pouco mais afastados do centro de Cuzco, normalmente, Pisac, Ollantaytambo, Chinchero;
      – e, finalmente, Machu Picchu.

      Acho que, mesmo se você resolver fazer esse roteiro mais simplificado, usando os serviços das agências de viagem para os passeios, vai precisar de uns 4 dias em Cuzco. O primeiro, para ficar na cidade mesmo, conhecer a Plaza de Armas e seus arredores, além de se acostumar um pouco com a altitude. Nos dias seguintes, você faz os passeios. Lembrando que a viagem de volta teria de ocorrer num quinto dia.

      Você pode incrementar um pouco o roteiro, incluindo mais um dia pelo Vale Sagrado (ou até dois, dependendo do ritmo das suas viagens). Assim, poderá visitar outros sítios arqueológicos que fazem parte do Boleto Turístico, mas não estão incluídos normalmente nas excursões das agências. Nós fizemos isso, usando os serviços de um taxista que também serviu de guia. Achei que valeu muito a pena, pois quase sempre éramos as únicas pessoas nesses lugares, o que garante uma experiência bem mais intensa do que quando se está com um grupo maior. Mas, mesmo com um dia a mais, não deu tempo de visitarmos todos os pontos incluídos no Boleto.

      Acho que dormir em Aguas Calientes é uma boa opção – foi o que fizemos – para conseguir chegar a Machu Picchu quando ela ainda está mais vazia, de manhã cedo.

      A agência pra fazer os passeios não fazia muita diferença na época da minha viagem, pois existe uma enormidade de agências e elas compartilham ônibus e guias. Com agência, só fizemos o city tour.

      Tem outros posts aqui no blog que podem ajudar você a tomar todas essas decisões:
      https://cadernosdeviagem.wordpress.com/2009/08/12/dossie-peru/
      https://cadernosdeviagem.wordpress.com/2009/05/31/planejando-os-passeios-em-cuzco/
      https://cadernosdeviagem.wordpress.com/2009/06/07/planejando-os-passeios-em-cuzco-ii-a-missao/
      https://cadernosdeviagem.wordpress.com/2009/07/17/o-vale-sagrado-sul/

      Se outras dúvidas surgirem, fique à vontade para perguntar!

  3. 14 Délia 15/01/2013 às 18:43

    ola boa tarde, estou indo a cuzco em finalde marco e gostaria de saber se alguem conhece a empresa machupicchubrasil? se é de confianca? grata Délia

    • 15 Wanessa 15/01/2013 às 19:40

      Oi, Delia! Nao conheço a empresa. Sugiro que você pesquise no Google pelo nome da empresa e acrescentando “reclamação” ou “problemas”. Se nao aparecer nada, e bom sinal!

  4. 16 lilian azevedo de moraes 14/06/2013 às 0:15

    Quando não conhecemos o lugar por mais explicações que tenha ainda fica dificil mentalizar lugares,como ir etc…Por isso fazemos as vezes perguntas bobas,desculpe.
    Pretendo ir ao Peru em set.2013 ficarei 5 dias em Lima contando o dia de chegada,na realidade teremos 4 dias inteiros em Lima,partiremos de Lima para Cuzco[dia de ambientação] ficaremos 4 dias inteiros em Cuzco.Um dia passear por Cuzco,um dia city tour,um dia Vale Sagrado,tem mais de um passeio pelo vale sagrado?
    Partiremos,então,de Cuzco para Aguas Calientes,dormimos aí para no dia seguinte cedo ir a Machu Pichu.Nesse dia do passeio a M.P. é melhor dormir em A guas Calientes e no dia seguinte partir para Cuzco e de lá retornar para o RJ ? Ou ao sair de M.P. pegar malas em A.C. e voltar ainda nesse dia para Cuzco para retornar de manha cedo para o RJ?
    O que tenho que comprar daqui é:
    .entrada para Machu Pichu,
    .trem Vistadome de Cuzco para Aguas Calientes
    .,onibus de Aguas Calientes para Machu Pichu
    ,Onibus para descer de M.P.,e
    trem de Aguas Calientes para Cuzco ?

    • 17 Wanessa 14/06/2013 às 7:35

      Oi, Lilian!

      Pelas suas perguntas, vejo que você já leu bastante sobre essa viagem! Com tanto planejamento, vai dar tudo certo. Vou tentar responder suas perguntas:

      O Vale Sagrado é uma região grande e tem passeios para preencher uns 3 dias de viagem ou mais, dependendo do gosto do turista. Mas as agências de viagem de Cuzco – ao menos quando eu viajei – ofereciam, como regra, um passeio de um dia apenas, que passa por Pisac, Ollantaytambo e Chinchero. Quando eu viajei, não fiz esse tipo de excursão, contratei um motorista, por isso, tive mais liberdade e fui a outros lugares, como Tipon e Andahuaylillas. Se o custo de um passeio personalizado não for problema, acho que vale a pena, mesmo que você disponha de apenas um dia, pois o motorista vai fazer esse dia render mais do que se você estivesse numa excursão.

      Depois de visitar Machu Picchu, dá para voltar no mesmo dia para Cuzco, especialmente se você tiver subido para as ruínas bem cedinho. Pode comprar seu trem de volta (Aguas Calientes – Ollanta ou Cuzco) das 15:00h em diante e evitar dormir uma segunda noite em Aguas Calientes (eu não achei essa experiência muito agradável, posso dizer que sou uma pessoa muito “urbana”! 🙂 )

      Dos itens que você menciona, o ideal é comprar a entrada de Machu Picchu e as passagens de trem com antecedência. O ônibus, você compra lá, quando sair do trem ou na hora de subir mesmo.

      Se surgirem outras dúvidas, fique à vontade!

  5. 18 lilian azevedo de moraes 14/06/2013 às 9:58

    Wanessa,muito obrigada pela rápida resposta.Sou uma senhora mas adoro ler blogs de viagem e tenho organizado minhas viagens através dos posts de blogs como o seu.Você é extremamente didática e ajuda muito.Será que quando eu sair de Aguas Calientes posso pedir no hotel para guardarem minha mala para pegar ao descer de M.P.?Chegando em Aguas Calientes pego um taxi ate Poroy ,pego o trem Vistadome e volto para Cuzco ? É melhor dormir mais uma noite em Cuzco para pegar o avião de volta para o RJ,né? Li que de tarde há u,m vento forte que é meio esquisito !!!!
    Lilian

    • 19 Wanessa 14/06/2013 às 13:08

      Lilian, fico feliz de poder ajudar. Monto meus roteiros de viagem usando blogs tambm, por isso, quando preparo algum post, tento deixar o tipo de informao que eu gostaria de encontrar.

      Sobre suas dvidas:

      – em Aguas Calientes, acho que muito comum os hotis guardarem as malas dos hspedes at o fim do dia, porque o check out padro s 09:00h, e ningum volta de Machu Picchu antes disso. Eu mesma deixei as malas l. Na verdade, eu e minhas amigas fizemos melhor: deixamos nossas malas em depsito no hotel de Cuzco e levamos s uma mochila pequena para essa noite em Aguas Calientes. Muito melhor, porque a cidade no boa de ficar carregando mala;

      – melhor deixar a volta para o Brasil para o outro dia. Funciona assim: em um dia, voc pega o trem em Poroy (que uma estao perto de Cuzco) ou Ollantaytambo at Aguas Calientes; dorme em Aguas Calientes; no dia seguinte, visita Machu Picchu, pega o trem de volta de Aguas Calientes a Poroy (Cuzco) ou Ollanta (de onde voc pode pegar um txi pra Cuzco); dorme mais uma noite em Cuzco e volta para o Brasil no dia seguinte. Nem ouvi falar desse tal vento, no, mas que no d tempo de fazer todo esse caminho de volta para Cuzco e chegar a tempo de pegar um voo internacional no mesmo dia;

      – sobre hoteis em Cuzco, eu fiquei no Wiracocha Inn (coloque no google, que aparece). No recomendo porque tive de trocar de quarto duas vezes: no primeiro, a descarga do banheiro no funcionava; no segundo, tinha uma aranha (um animal selvagem! 🙂 ) na parede; chegando ao terceiro quarto, dormimos depressa, pra no ver nada de errado! Mas eu desconfio que no tenha coisa muito melhor em Aguas Calientes, exceto numa faixa de preo bem superior. Por isso, eu no ficaria mais de uma noite l. Atualmente, estou montando roteiro para alguns familiares, mas ainda no pesquisei hotis em AC para ver se surgiu alguma opo mais interessante…

      • 20 THAIS 14/06/2013 às 13:40

        Meninas, eu me hospedei no hotel para Turistas CHASKA em Aguas Calientes, de todos que procurei (e foram muitos) foi o melhor e com preço mais acessivel. Ele fica a dois minutos do Estação de trem.
        Em Cusco eu contratei um guia particular na agencia Lorezzo Aventuras, super recomendo esta agencia, pois são hostestos e somos atendidos pelo proprio Lorenzzo. Meu guia foi o Bruno, foi perfeito!! O Bruno conhece mt bem a região e foi super 10. Em Cusco me hospedei no hotel Best Western que é maravilhoso. Bjsss

  6. 22 lilian azevedo de moraes 14/06/2013 às 10:17

    Wanessa,sou eu de novo.Vc tem alguma sugestão de hotel em Aguas Calientes?

    • 23 lilian azevedo de moraes 18/06/2013 às 15:05

      Wanessa eThais,obrigada pelas dicas de hotel.Vcs. deixaram as malas no quarto do hotel em Cuzco onde estavam hospedadas e pagaram essa diaria em que estavam ausentes ? ou deixaram o quarto,guardaram as malas e ao voltar pagaram outra diaria ? se eu for a Machu Picchu e voltar para Cuzco nesse mesmo dia chegarei a Cuzco a noite e só voltarei para o RJ no dia seguinte.
      Beijinhos,Lilian

      • 24 Wanessa 18/06/2013 às 19:18

        Lilian, eu deixei as malas em deposito no hotel, por isso, nao paguei a diária desse dia do meio (mas tive de desocupar o quarto). Pesquisando no Booking, a maioria dos hotéis informa que tem o serviço de deposito de bagagem.

  7. 25 Ruy Goulart Soares 17/08/2013 às 23:37

    Olá, boa noite.
    Alguém poderia me dizer o melhor a ser feito se vou chegar de 4X4 em Cuzco mais ou menos dia 18 de setembro de 2013?
    Como devo reservar dias em cada lugar?
    De onde até onde posso andar?
    Talvez possa ceder um assento junto, dependendo de alguns fatores que ainda não sei o que acontecerá.
    Desde já grato por qualquer informação.

    • 26 Wanessa 18/08/2013 às 21:10

      Olá, Ruy!
      Viajar com carro próprio exige um planejamento bem específico, Ruy, e infelizmente não posso ajudar nessa parte, porque fiz a minha viagem usando taxis ou outros tipos de transporte. O que posso dizer é que achei as estradas no Peru muito boas e acredito que você não vai encontrar nenhuma dificuldade para se deslocar pela região de Cuzco e do Vale Sagrado. Só tenho dúvidas sobre a ida a Machu Picchu, pois não sei se há alguma rota para carros até Aguas Calientes.
      Boa sorte na sua viagem!

      • 27 Ruy 19/08/2013 às 7:59

        Wanessa, muito bom dia.
        Agradeço sua resposta e espero algum dia retribuir.
        Um grande abraço Ruy


  1. 1 City Tour « Cadernos de Viagem Trackback em 24/06/2009 às 14:06
  2. 2 Dossiê Peru « Cadernos de Viagem Trackback em 12/08/2009 às 22:59
Comments are currently closed.



Blogs de Viagem

%d blogueiros gostam disto: