Panaca!

Peru 060

Sobre a famosa prática da pechincha e o preço das corridas de táxi no Peru, preciso dizer que senti uma saudade enoooorme do taxímetro. No começo, dá pra levar numa boa, a gente até acha engraçado quando consegue um “desconto”. Mas, com o tempo, eu comecei a me sentir uma panaca, na acepção brasileira do termo mesmo. Explico: em quéchua, os “panacas” são os descendentes da nobreza inca, cuja linhagem se mantém até hoje. Foi um guia turístico que me disse isso e, agora, por um momento, me pareceu que eu estava dando uma de panaca novamente, mas confirmei o significado peruano da palavra na Wikipedia!

O fato é que não dá pra saber se você pagou um preço justo pelo serviço. É fácil pegar o jeito: basta dizer que pagou tal preço na vinda que se consegue o mesmo valor na volta. E, se o primeiro táxi que passar não aceitar, o segundo ou o terceiro aceitarão. Mas, a exemplo da nossa visita ao Pachacamac, é bem possível que, uma vez ou outra, o pagamento seja muito mais alto do que o razoável, especialmente em corridas de e para os aeroportos ou nesses passeios de um dia completo.

O pior mesmo nem são os táxis, mas sim quando se vai comprar produtos típicos, artesanato, artigos de lã de alpaca, enfim, coisas que turistas compram. Aí, é IMPOSSÍVEL ter certeza do preço razoável. Etiqueta de preço, aliás, é uma coisa tão rara de se ver… O segredo é nunca, jamais, perguntar o preço do mesmo artigo em outro lugar depois de já ter comprado, porque a conclusão será uma só: panaca! Coisas do Peru…

About these ads

12 Responses to “Panaca!”


  1. 1 Camila 24/05/2009 às 18:55

    Também não gosto nem um pouco desse hábito da pechincha. Sou péssima nisso, morro de vergonha de barganhar, mesmo sabendo que isso é comum por lá. O jeito é fazer como você falou: nunca olhar o preço de algo que você já comprou!

  2. 2 Wanessa 25/05/2009 às 0:37

    Camila, fiquei TÃO feliz de voltar de Cuzco para Lima e encontrar os produtos etiquetados nas lojas (ainda que, nos táxis, continuasse aquele sofrimento…).

  3. 3 Carla 25/05/2009 às 17:37

    Wanessa, uma boa forma de saber o valor justo a se pagar nos táxis é perguntando no hotel, numa loja, num restaurante, quanto vale a corrida até o lugar desejado – os locais sempre sabem. Daí a gente aceita pagar um pouquinho mais como turista, mas não o dobro, né? Eu fiquei super craque na arte da pechincha – e me deu uma pena danada de ter que pagar o que diz o taxímetro quando voltei ao Brasil, principalmente porque, aí sim, tive certeza de estar sendo explorada… e sem poder reclamar! ;-) Mas quanto ao artesanato eu concordo que não é tão legal… Até porque às vezes você não quer mesmo comprar o tal artigo e acaba ficando cansada de se esquivar das ofertas!

    • 4 Wanessa 25/05/2009 às 21:52

      Carla,
      Me lembrei muito de vc, dizendo que tinha achado legal essa coisa de ficar pechinchando lá no Peru, mas pra mim, no final da viagem, já tinha cansado… E olha q eu não tenho vergonha nenhuma de pedir menos, sou cara de pau mesmo, digo q sou brasileira, pobre feito eles, essas coisas!
      Essa dica de perguntar o preço no hotel é bem válida.

    • 5 LucianaM. 26/05/2009 às 22:48

      Carla, Lá em Cuzco eu usei a sua tática de perguntar o preço da corrida primeiro no hotel! É muito melhor!
      A sua viagem ao Peru ajudou DEMAIS na organização da minha! Quando visitei Q’enqo já havia escurecido, mas acho que você ainda conseguiu pegar um pouco de luz, não?
      Abç,

  4. 10 Katarina 25/05/2009 às 23:28

    Essa estória do termo “panaca” rendeu muitas risadas durante a viagem, hein!? Engraçado o relato. :-)


  1. 1 Só uma lembrancinha… « Cadernos de Viagem Trackback em 30/05/2009 às 20:08
  2. 2 Dossiê Peru « Cadernos de Viagem Trackback em 13/08/2009 às 0:12

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blogs de Viagem

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 125 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: